Carlos Simas

Nascido em 1913, Carlos Furtado de Simas, foi ministro das Comunicações no período da ditadura civil-militar brasileira, durante a gestão Costa e Silva. Permaneceu no cargo com a posse da Junta Governativa Provisória de 1969, até 30 de outubro de 1969, quando assumiu a direção da Empresa Brasileira de Telecomunicações (Embratel), criada quatro anos antes.

frases

  • Trecho de áudio em que declara seu voto de apoio ao Ato Institucional nº 5:
    “Portanto, ao considerar o documento que me foi hoje apresentado, em que pesem as razões de ordem jurídica que, como democrata que sou, poderiam naturalmente ser apostas ao documento, vejo, acima disto, depois de ouvir as palavras dos responsáveis pela Segurança Nacional, do ministro do Exército, achando necessário que rompamos, digamos assim, com certos preceitos que estão realmente dificultando o desenvolvimento brasileiro.”

Biografias
da
ditadura