Céu aberto

Um dos melhores documentários políticos já realizados no país, Céu

Aberto ressalta a euforia que tomou conta do País com a campanha pelas

Diretas Já e a eleição de Tancredo Neves à Presidência da República,

seguida da consternação nacional com a doença e morte do estadista

mineiro. Sob o título inspirado numa frase de Tancredo, “Ninguém

conspira em céu aberto”, o filme registra a oração de populares diante

do Incor, em São Paulo, a leitura dos boletins médicos, a multidão nas

ruas para dar o último adeus ao líder e seu enterro em São João del-Rei.

Um dos momentos mais curiosos é a entrevista do general Newton Cruz, o

“Nini”, comandante militar do Planalto e símbolo da truculência do

regime militar, que justifica a repressão que liderou contra

manifestantes a favor das eleições diretas, em Brasília. O filme

apresenta depoimentos de políticos como Franco Montoro, Fernando

Henrique Cardoso e Ulysses Guimarães; jornalistas, artistas e a

historiadora Lucila Neves, sobrinha de Tancredo. Céu Aberto foi indicado

como Melhor Filme ao Kikito de Ouro, do Festival de Gramado, e premiado

no Fest-Rio, Prêmio OCIC (Office Catholic International du Cinema),

Festival de Caxambu e Festival de Aveiro, em Portugal.

Skip to content