Tiago de Mello

Amadeu Thiago de Mello nasceu na cidade de Barreirinha, no Amazonas, em 1926. Sua obra desde cedo foi marcada pela identificação com a cultura de seu estado e pelo engajamento político e social. Entre 1961 e 1964, trabalhou como adido cultural em Santiago do Chile, onde conheceu Pablo Neruda, de quem ficou amigo. Acabou afastado desse cargo por receber refugiados brasileiros em sua casa. De volta ao Brasil, foi preso e exilado. Sua obra “Faz escuro, mas eu canto porque a manhã vai chegar”, de 1965, reflete o contexto autoritário, assumindo uma clara oposição ao regime militar no Brasil. É um dos poetas brasileiros mais conhecidos na América Latina.

Bibliografia:

MELLO, Thiago. Poesia comprometida com a minha e a tua vida. Lisboa: Moraes Editora, 1975.
MELLO, Thiago. Poemas preferidos pelo autor e seus leitores. Edição comemorativa dos 75 anos do autor. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001.
____________. Faz escuro, mas eu canto porque a manhã vai chegar. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1999.