Heleny Telles Ferreira Guariba

Heleny Telles Ferreira Guariba (Bebedouro, 1941 – Rio de Janeiro, 1971). Depois de estudar filosofia na USP, Heleny se dedicou ao teatro. Entre 1965 e 1967, esteve na Europa, onde entrou em contato com projetos de teatro popular. Na volta ao Brasil, deu aulas no Teatro de Arena e na Escola de Artes Dramáticas, e dirigiu o Grupo Teatro da Cidade, primeiro grupo profissional fundado em Santo André, na região industrial do ABC paulista. Paralelamente, aprofundou sua militância política na Vanguarda Popular Revolucionária (VPR). Foi presa e torturada em 1970, mas acabou sendo libertada no começo de 1971 por ordem judicial. Entretanto, isso não significou o fim das perseguições a ela. Em julho de 1971 foi presa no Rio de Janeiro e nunca mais foi vista. Sua trajetória profissional e política se confundem com o projeto de construir um circuito teatral de qualidade nas periferias operárias, ideal perseguido por vários outros grupos ao longo dos anos 1970.